Blog / Notícias

Gestão Ambiental Pública é debatida durante três dias no IFSul

                  A proposta do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), por uma iniciativa da Gestão Ambiental da BR-116/392 (STE S.A.), levou mais de 400 pessoas ao campus Pelotas do Instituto Federal Sul-Rio-grandense (IFSul). De quarta a sexta-feira (19/05), o III Seminário de Gestão Ambiental Pública abordou temas como saneamento básico, economia circular, gestão sustentável da pesca, gestão ambiental de rodovias, entre outros. Minicursos, palestras, apresentação de trabalhos, feira interativa e exposições fizeram parte da programação. O evento foi co-realizado pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG) e Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

            O estudante do quinto semestre de Gestão Ambiental da FURG campus São Lourenço do Sul, Igor Guilherme Nunes, saiu satisfeito com o que ouviu das apresentações. “Importante ver um engenheiro civil colocando a necessidade do planejamento, fazendo com que a obra tenha desde o princípio o acompanhamento de uma gestão ambiental”, disse. O engenheiro do DNIT, Rafael Hallal, destacou a relevância do evento. “Muito legal podermos criar estes espaços a partir de iniciativas de empresas que se propõem a fazer o diferencial juntamente com a autarquia”, frisou.

            Para o coordenador do setor de meio ambiente da STE, Adriano Panazzolo, este formato de atividade permite com que se leve o conhecimento sobre o que é gestão ambiental a um público amplo. “Por mais que, teoricamente, estas ações não façam parte do escopo, a partir delas conseguimos alcançar um dos fundamentos da gestão ambiental que é levar o conhecimento, neste caso, até estudantes, profissionais da área e órgão empreendedor em um só espaço”, falou. A vice-reitora do IFSul, professora Janete Otte, destacou a importância desta provocação. “Como instituição púbica de ensino sentimos a obrigação de trabalhar junto estes assuntos”.

            A colombiana Diana Katherine Guerra Guerra, estudante de Engenharia Ambiental na Universidad Santo Tomás, descobriu o evento durante uma vinda a Pelotas no ano passado. Era a primeira vez que ela visitava o Brasil e o cartaz do III Seminário de Gestão Ambiental Pública, disponibilizado no prédio do Mercosul, chamou a atenção. “Fiz a minha inscrição, pois temos dificuldade de encontrar eventos que abordem esta temática na Colômbia. Como foi transferido, retornei este ano para apresentar um trabalho”, disse. Em bolsa de intercâmbio pela UFPel, ela reforçou o interesse pela troca de experiências. “Esta oportunidade é muito boa, permitindo com que eu possa levar a experiência daqui para a Colômbia”.

            Pelo segundo ano consecutivo, o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) foi parceiro do evento. “Eventos como este proporcionam debate e troca de experiência entre empreendedores, órgãos licenciadores, empresas consultoras e estudantes, aproximando o universo acadêmico da realidade do mercado de trabalho e uma ótima oportunidade para demonstrar os desafios e perspectivas enfrentados pela Gestão Ambiental no Daer”, destacou a coordenadora técnica de meio ambiente, Josani Carbonera. Instituições como o Serviço Autônomo de Abastecimento de Água de Pelotas (Sanep), Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) e Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) também participaram.

Fonte: S.T.E. Serviços Técnicos de Engenharia S.A.

Mais de 400 pessoas participaram do evento - Solano Ferreira (DNIT-STE)

Crédito: Solano Ferreira (DNIT/STE)

Categoria: Ecosul. Compartilhe: permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>